Curitiba é a terceira capital que mais tem pessoas que bebem e dirigem

Cerca de 7% dos curitibanos admitem que dirigem após consumirem bebidas alcoólicas. O índice coloca a cidade em terceiro lugar no ranking que avalia esse hábito entre as capitais brasileiras, atrás apenas de Florianópolis e Palmas. O levantamento foi divulgado pelo Ministério da Saúde. Se for levado em consideração apenas os homens de Curitiba esse número é ainda maior. 13% disseram que é comum beberem e em seguida assumirem a direção no trânsito. Segundo a pesquisa, o hábito é mais comum entre os 25 e 44 anos. O comandante do Batalhão de Polícia de trânsito, coronel Loemir Matos, explica que as pessoas que dirigem sob a influência de álcool têm um grande risco de se envolverem em acidentes.

Para tentar reduzir a combinação de bebida e direção, o coronel conta que são realizadas blitze frequentemente em vários pontos da cidade.

O levantamento do Ministério da Saúde também apontou que 4,6% dos entrevistados nas 26 capitais brasileiras e no Distrito Federal admitiram dirigir após beber qualquer quantidade de bebida alcoólica. As capitais com os menores porcentuais relativos a beber e dirigir são Belém, Rio de Janeiro e Manaus.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*