Manual do calouro segue causando polêmica na UFPR

Um mês depois da polêmica divulgação do Manual do Calouro do Curso de Direito da Universidade Federal do Paraná, nada foi feito. O texto foi impresso para recepcionar novos estudantes, mas gerou muitas críticas por causa do item “o fim de seus problemas sentimentais”. Um dos trechos tinha a seguinte frase: se seu amigo prometeu a você arranjar aquela garota e não conseguiu, veja o que diz o código civil art. 439 – “Aquele que tiver prometido fato a terceiro responderá por perdas e danos, quando este não executar”. O diretor do setor de Direito, professor Ricardo Marcelo da Fonseca, garante que o tema foi discutido dentro da universidade e está encerrado.

O material foi feito pelo Partido Democrático Universitário, o PDU. Na época em que o caso foi divulgado, no fim de março, o presidente do PDU, André Ramos, afirmou que o manual não passava de uma brincadeira e pediu desculpas a quem se sentiu ofendido. A reportagem procurou novamente o estudante, mas ele não quis gravar entrevista e disse apenas que considera a situação resolvida. Esta não é a primeira vez que um Manual do Calouro gera polêmica dentro da Universidade Federal do Paraná. No ano passado, o documento que foi distribuído aos novos alunos também gerou constrangimento de diversos estudantes.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*