Onze pessoas são presas na República Dominicana suspeitas de receberem propina da Obebrecht

Onze pessoas, entre elas políticos de alto escalão, empresários e até mesmo o Ministro da Indústria e Comércio e o ex-presidente do senado da República Dominicana foram presas em Santo Domingo nesta segunda-feira. Elas são suspeitas de ter recebido propina da empreiteira Odebrecht. Estas são as primeiras detenções no país pelo esquema da empresa que garante ter pago para obter contratos de licitação de obras de infraestrutura entre 2001 e 2014. As prisões ocorrem após o Procurador-geral da República Dominicana informar que recebeu das autoridades brasileiras dados sobre as propinas pagas pela construtora.

No mês de abril, um juiz dominicano validou um acordo entre o Ministério Público e a Odebrecht que vai pagar 184 milhões de dólares, o dobro do que teria destinado em propina para vencer as licitações de contratos de obras públicas e ainda revelar os nomes dos beneficiados. Onze pessoas, entre elas políticos de alto escalão, empresários e até mesmo o Ministro da Indústria e Comércio e o ex-presidente do senado da República Dominicana foram presas em Santo Domingo nesta segunda-feira.

Elas são suspeitas de ter recebido propina da empreiteira Odebrecht. Estas são as primeiras detenções no país pelo esquema da empresa que garante ter pago para obter contratos de licitação de obras de infraestrutura entre 2001 e 2014. As prisões ocorrem após o Procurador-geral da República Dominicana informar que recebeu das autoridades brasileiras dados sobre as propinas pagas pela construtora.

No mês de abril, um juiz dominicano validou um acordo entre o Ministério Público e a Odebrecht que vai pagar 184 milhões de dólares, o dobro do que teria destinado em propina para vencer as licitações de contratos de obras públicas e ainda revelar os nomes dos beneficiados.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*