Promotoria de Defesa do Patrimônio Público vai investigar irregularidades em promoções da Cohab

A Promotoria de Defesa do Patrimônio Público abriu um processo para investigar 46 supostas promoções irregulares na Companhia de Habitação (Cohab) de Londrina. As promoções seria de servidores que nem precisaram fazer novos concursos públicos. Treze promoções são de funcionários que passaram em testes seletivos para funções de Ensino Médio, mas ocupam, atualmente, cargos de Nível Superior. Existem casos na companhia de auxiliares de administração que ocupam cargos de administradores, contadores e até advogados.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*