Secretaria da Educação vai descontar falta de professores que aderirem à greve nesta segunda-feira

(Foto: Divulgação/UFPR)

A secretaria da educação do Paraná promete descontar os vencimentos dos salários dos professores que não comparecerem as aulas hoje, primeiro dia do ano letivo na rede estadual de ensino. A associação que representa os professores afirma que vai aderir à mobilização de movimentos sindicais que protesta contra a reforma da Previdência.

A secretaria da educação orienta que os pais e responsáveis mandem os alunos para as aulas na rede estadual. A associação dos professores da UFPR marcou um ato para às oito da manhã desta segunda-feira (19), no Terminal Guadalupe.

A secretária da educação, Ana Seres, afirma que cerca de 20% das unidades de ensino ainda tem obras para ser entregues.

Em todo o Paraná, mais de um milhão de estudantes voltam às salas amanhã. Em 2018, o recesso está previsto entre 16 e 25 de julho. As aulas vão se estender até 19 de dezembro.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*