Seis das treze propriedades ao redor da Baixada que precisam ser desapropriadas estão em fase de posse

Pelo menos seis das treze propriedades ao redor da Baixada que precisam ser desapropriadas para a conclusão da Arena para a Copa de 2014 estão em fase de posse da prefeitura. A afirmação é do presidente do Atlético Paranaense, Mário Celso Petraglia, que fez hoje (sexta) à tarde uma coletiva de imprensa para apresentar o balanço do primeiro semestre do clube. Segundo Petraglia, alguns moradores tentaram recorrer da decisão, mas não tiveram sucesso no pedido.

A prefeitura de Curitiba foi procurada pela reportagem da BandNews e confirmou os dados apresentados por Mario Celso Petraglia. As outras sete casas do local também devem ser desapropriadas, a discussão agora somente é com relação ao valor que vai ser fechado com os proprietários. O que também precisa ser negociado ainda são os prédios que ficam ao lado da Baixada e que pertencem ao exército. Ainda não foi fechado um valor de indenização para a desapropriação. O balanço da gestão também foi marcado por muitas críticas a gestão anterior do clube. Petragilia disse que o projeto da Arena para a Copa precisou ser refeito e que uma empresa que já estava contratada teve que ser trocada. Mesmo assim o presidente do clube não soube dizer qual foi o prejuízo que a modificação no projeto causou ao Atlético.

Mário Celso Petraglia fez uma coletiva de imprensa de balanço do semestre porque desde que ele assumiu a presidência do clube adotou a política de não conversar com a imprensa no dia-a-dia do clube e não dar entrevistas.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*