Venda do livro de Anderson Silva está suspensa

A Justiça paranaense proibiu a venda da biografia do campeão mundial peso médio (até 84 kg) do UFC – maior evento de artes marciais do Mundo, Anderson Silva, intitulada ”Anderson Spider Silva – o relato de um campeão nos ringues da vida”. A ação foi ajuizada por Rudimar Fedrigo, dono da academia Chute Box, citado algumas vezes no livro do lutador paulista que desde os 7 anos mora em Curitiba. Rudimar admite ter tido participação na vida profissional de Anderson Silva, mas não concorda com as afirmações feitas pelo lutador no livro.

Além deste processo, Rudimar Fedrigo move outro contra Anderson Silva por danos morais. Ele alega que há trechos narrados pelo lutador na biografia que violam a intimidade dele, a vida privada e a honra.

A editora também está proibida, de acordo com sentença judicial, de realizar nova edição se não houver a exclusão dos trechos sobre Rudimar Fedrigo, que diz não ser contra o livro e sim contra a forma como foi exposto na obra.

A Rádio BandNews não encontrou Anderson Silva para falar sobre a obra. A Justiça determinou ainda o recolhimento da obra, no período de até dez dias, em todos os pontos de venda dos exemplares, sob pena de multa de R$ 300,00 por livro não recolhido.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*