ParanáCidades

Chuva no litoral: quase 30 famílias precisam sair de casa

A previsão é de mais chuva para os próximos dias

 Chuva no litoral: quase 30 famílias precisam sair de casa

Foto: reprodução/Bora PR

Quase trinta famílias precisaram sair de casa no litoral do Paraná por conta da chuva intensa dos últimos dias. Em Guaratuba, 20 famílias precisaram encontrar outro lugar para ficar (14 pessoas foram levadas para abrigos e, as demais, para casas de familiares ou amigos. Em Pontal do Paraná, duas famílias ilhadas precisaram ser socorridas pelos bombeiros (uma em Pontal do Sul e outra em Praia de Leste). Em Matinhos, três famílias tiveram que deixar as casas. São casos de pessoas que estavam em residências alagadas ou com risco de alagamento. É o que detalha a responsável pela comunicação do Corpo de Bombeiros durante a Operação Verão, a capitã Débora Kolossoskei.

A previsão é de que as cidades litorâneas ainda sejam atingidas por cerca de 200mm de chuva. Além das altas precipitações, há o alerta para a ocorrência de ventos fortes persistentes e desmoronamentos na Serra do Mar. Desde o início do ano, já foram mais de 450 mm de chuva em todos os municípios do litoral do Paraná. É o que explica o meteorologista do Simepar, Reinaldo Kneib.

As quatro cidades que mais foram afetadas pela chuva nos últimos dias são: Antonina, que acumulou 505,6 mm de chuvas; Guaraqueçaba, com 484,4 mm; Paranaguá com 454,2 e Guaratuba que teve 474,4 mm de chuva.

Foto: divulgação/Simepar
Avatar

Izabella Machado

Homem invade casa e atira 16 vezes contra moradores

Homem invade casa e atira 16 vezes contra moradores

O caso aconteceu em Antonina no litoral do Paraná

Tenente-coronel bombeiro é investigado por assédio sexual contra subordinada

Tenente-coronel bombeiro é investigado por assédio sexual contra subordinada

De acordo com a denúncia do MP-PR, o caso aconteceu em Maringá, noroeste do Paraná

Mais de 300 toneladas de lixo são retiradas das praias

Mais de 300 toneladas de lixo são retiradas das praias

Limpeza foi feita em 48 quilômetros da orla de três balneários

Suspeito de furtar Banco Central de Fortaleza é preso

Suspeito de furtar Banco Central de Fortaleza é preso

Homem utilizava outra identidade e foi localizado em Londrina, no norte do Paraná