NacionalGeral

Brasil criou 1,4 milhão de empregos formais em 2023

Todos os 5 grandes setores registraram saldos negativos em dezembro

 Brasil criou 1,4 milhão de empregos formais em 2023

Jonathan Campos/ AEN

O Brasil criou 1,4 milhão de empregos com carteira assinada em 2023. Em dezembro, 430.159 postos de trabalho foram fechados. A contratação no mês ultrapassou um milhão e quinhentos, com salário médio de R$ 2 mil, e os desligamentos ultrapassaram um milhão e novecentos.

Todos os cinco grandes setores de atividades econômicas registraram saldos negativos em dezembro. Em serviços 181 mil postos foram fechados; na indústria 111 mil; na construção 75 mil, na agropecuária 53 mil e no comércio 7 mil.

Todas as regiões do País também tiveram saldos negativos no último mês do ano passado. As unidades federativas com maior saldo foram Alagoas, Acre e Sergipe. Os dados são do Novo Caged (Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), divulgados nesta terça-feira (30).

Ao longo do ano, foram 23 mil contratações e 21 mil demissões. O maior crescimento do emprego formal ocorreu no setor de serviços (4,4%), seguido pelo comércio (2,9%) e construção civil (6,6%).

Todas as Unidades Federativas tiveram saldos positivos, com destaque para São Paulo (3%), Rio de Janeiro (4,7%) e Minas Gerais (3,2%). A maioria das vagas geradas foram preenchidas por homens (840.740) e a faixa etária de 18 a 24 anos é a que teve maior saldo.

Informações: Mirian Villa.

Avatar

Mirian Villa

Umidificador de ar pode ser foco de dengue

Umidificador de ar pode ser foco de dengue

Aparelho depende de higienização e troca de água recorrente

Caixa paga novo Bolsa Família a beneficiários NIS final 6

Caixa paga novo Bolsa Família a beneficiários NIS final 6

Além do benefício mínimo de R$ 600, há pagamento de adicionais