Embaixada do Brasil em Bangkok presta assistência aos três paranaenses presos por tráfico de drogas na Tailândia, diz Itamaraty

 Embaixada do Brasil em Bangkok presta assistência aos três paranaenses presos por tráfico de drogas na Tailândia, diz Itamaraty

O Itamaraty diz que acompanha e presta assistência aos três jovens paranaenses que foram presos na Tailândia, com mais de 15 quilos de cocaína. Eles foram detidos no dia 14 de fevereiro, no aeroporto de Bangkok, ao tentar ingressar no país asiático com a droga armazenada no fundo falso de três malas de viagem. Na Tailândia, assim como em outros países da região, o tráfico de drogas é punido com a pena de morte.

Segundo o Ministério das Relações Exteriores, a Embaixada do Brasil em Bangkok trabalha diretamente no caso. A pasta afirma que não pode divulgar mais detalhes, sem a autorização dos envolvidos. Por fim, o Itamaraty diz que atende aos brasileiros seguindo as disposições dos tratados internacionais vigentes e da legislação local. Estão presos em Bangkok dois homens, sendo um de 27 e outro de 24 anos; e uma mulher de 22 anos. Não está claro se eles têm relação entre si.

Em maio de 2015, o paranaense Rodrigo Gularte foi executado na Indonésia, aos 42 anos, após 11 anos preso por tráfico de drogas. Ele foi detido em 2004 no aeroporto de Jacarta com 6 quilos de cocaína escondidos em pranchas de surfe. No ano seguinte, foi condenado à morte. O fuzilamento na prisão de NusaKambangam aconteceu 10 anos após a sentença. No mesmo ano, três meses antes de Gularte, o carioca Marco Archer também foi executado na Indonésia pelo crime de tráfico de drogas.

Band News Curitiba - 96,3 FM

A BandNews Curitiba está na cidade desde 2006. A emissora caiu no gosto do curitibano e, atualmente, está entre as dez rádios mais ouvidas da cidade.

3 pessoas se afogam e precisam ser socorridas em Caiobá

3 pessoas se afogam e precisam ser socorridas em Caiobá

Adolescentes foram retirados do mar conscientes e passam bem