Nacionaleducação

Enem: falta exatamente um mês para a aplicação da primeira prova

Provas serão aplicadas nos dias 13 e 20 de novembro

 Enem: falta exatamente um mês para a aplicação da primeira prova

Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/ Agência Brasil

A aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2022 será em um mês. Este ano, as provas serão realizadas nos dias 13 e 20 de novembro. Ao todo, de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), 3.396.632 pessoas estão inscritas para as provas deste ano. 

Os participantes do Enem farão provas de linguagens, ciências humanas e redação no primeiro dia de aplicação. Os candidatos terão 5 horas e 30 minutos para resolver as questões. No segundo dia de aplicação, resolverão questões de matemática e de ciências da natureza, em 5 horas de aplicação. As provas serão objetivas, com exceção da redação, que deverá ser escrita a mão, tanto na versão impressa quanto na versão digital. 

Veja mais:

Acessibilidade

O Enem oferecerá recursos de acessibilidade e tratamento pelo nome social para participantes que fizeram as devidas solicitações. Entre os atendimentos disponíveis estão prova em braile, tradutor intérprete de Língua Brasileira de Sinais (Libras), videoprova em Libras (vídeo com a tradução de itens em Libras) e prova com letra ampliada. 

Como nas duas últimas edições, o Enem 2022 terá a versão impressa e a versão digital. Do total de inscritos, 3.331.566 farão a prova em papel, e 65.066, em computador. Os participantes receberão informações sobre a inscrição e sobre os locais de prova através do Cartão de Confirmação da Inscrição, que poderá ser acessado na internet. O cartão ainda será divulgado pelo Inep. 

Dados

De acordo com a autarquia, as mulheres são maioria entre os inscritos, representam 61,3% do total, no exame impresso, e 54,1%, no Enem Digital. Em relação à faixa etária, a maior parte dos que farão a prova impressa é formada por pessoas de 18 anos (27,8%). Em seguida, está o grupo de participantes com 21 a 30 (22,1%), que, no caso do Enem Digital, corresponde à maioria (33%). Inscritos com 18 anos são 23,4% dos que realizarão o exame em computador.

Quem está se preparando para o Enem pode acessar todas as provas e os gabaritos de edições anteriores no site do Inep, para se preparar para as provas. Também estão disponíveis as cartilhas do participante, com dicas de como estruturar o texto da redação e explicações sobre a correção. 

Para testar os conhecimentos, os estudantes podem acessar gratuitamente o Questões Enem, um banco preparado pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC), que reúne questões de provas de anos anteriores. No sistema, é possível escolher quais áreas do conhecimento se quer estudar. O banco seleciona as questões de maneira aleatória. 

Desde 2009, é utilizado como mecanismo de acesso à educação superior. As notas podem ser usadas, por exemplo, para ingressar no ensino superior público pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e para obter bolsas em instituições particulares pelo Programa Universidade para Todos (ProUni).

Saiba mais na TV Brasil:

Reportagem por Aline Leal pela Agência Brasil

jully.mendes

Crédito extraordinário e PEC da Transição podem salvar universidades

Crédito extraordinário e PEC da Transição podem salvar universidades

Representantes das Instituições Federais se reuniram com o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira

Bolsistas do Pnaes vão receber auxílio nesta quinta-feira (08)

Bolsistas do Pnaes vão receber auxílio nesta quinta-feira (08)

Com os cortes na Educação, estudantes ficaram sem a bolsa nesta quarta (07)

Números do Concurso 2546 da Mega-Sena

Números do Concurso 2546 da Mega-Sena

Prêmio principal chega a R$ 110,17 milhões

Universidades e Casa Civil se reúnem para discutir cortes

Universidades e Casa Civil se reúnem para discutir cortes

UFPR é uma das instituições afetadas e alega não ter recursos para pagar despesas básicas