EsportesParaná

Estreia de Osório na Ligga Arena tem ingressos esgotados

Athletico recebe o líder Maringá, pelo Campeonato Paranaense

 Estreia de Osório na Ligga Arena tem ingressos esgotados

Foto: José Tramontin/athletico.com.br

O Athletico faz amanhã (quarta-feira) o primeiro jogo em casa, no Campeonato Paranaense. O Furacão recebe o Maringá, na Ligga Arena, às sete da noite. Após duas rodadas, o time do interior do estado tem a melhor campanha, com duas vitórias e seis gols de saldo. O Rubro-Negro tem uma vitória e um empate.

Punido por conta de brigas no clássico Atletiba, no ano passado, o público vai ser restrito. O acesso é limitado a mulheres, crianças e pessoas com deficiência. A partida ainda marca a estreia do técnico Juan Carlos Osório, na Ligga Arena.

LEIA TAMBÉM

O Athletico informou que os ingressos estão esgotados. A capacidade da Ligga Arena passa de 40 mil pessoas. No ano passado, nas mesmas condições, o Furacão chegou a entrar em campo para 37 mil torcedoras, no Campeonato Paranaense.

O técnico Juan Carlos Osório relacionou 21 atletas para encarar o líder Maringá. Os zagueiros Pedro Henrique e Thiago Heleno, além do volante Christian, ainda cumprem suspensão. O goleiro Mycael, o lateral-esquerdo Lucas Esquivel, da Argentina, e o atacante Arriagada, do Chile, continuam nas disputas do Pré-Olímpico.

Foto: José Tramontin/athletico.com.br

Avatar

Cleverson Bravo

Bruninho Samudio assina contrato com o Athletico Paranaense

Bruninho Samudio assina contrato com o Athletico Paranaense

O menino é filho do ex-goleiro Bruno com a ex-modelo Eliza Samudio

Águia de Marabá vira e elimina o Coritiba

Águia de Marabá vira e elimina o Coritiba

Coxa perdeu por 3 a 2. Time dependia de um empate para avançar

Coritiba viaja ao Pará pela Copa do Brasil

Coritiba viaja ao Pará pela Copa do Brasil

Águia de Marabá será o adversário da primeira fase, nesta quinta-feira (22)

Arena: família de Joaquim Américo tenta evitar mudança de nome

Arena: família de Joaquim Américo tenta evitar mudança de nome

Por meio de um abaixo-assinado, os familiares pedem que o conselho analise a decisão