CuritibaGeral

Estudante curitibano relata desclassificação injusta no Enem

Leonardo Belo descobriu na semana passada a eliminação; liminar pede que MEC corrija a prova

 Estudante curitibano relata desclassificação injusta no Enem

Foto ilustrativa

Um estudante curitibano foi desclassificado do Enem 2023 após levar o caderno de questões para casa. A descoberta ocorreu na última semana, quando Leonardo Belo entrou no site para verificar a pontuação obtida. Quando abriu a página do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), encontrou o aviso de desclassificação. O estudante usa o termo ‘injustiça’ para explicar o que está vivendo.

A informação de que o filho foi desclassificado do Enem por não entregar ao aplicador o caderno de questões foi uma grande surpresa para Andrea Belo. Já que está sinalizado na primeira página da prova que é possível levar o caderno para casa a partir das 18h30, meia-hora antes do término do exame. Ela detalha que o fato da prova não ter sido corrigida potencializa o sentimento de desrespeito.

A família de Leonardo conseguiu na Justiça uma liminar para que o Ministério da Educação corrija a prova para que ele se inscreva no Sisu. Mesmo que posteriormente seja necessária uma confirmação da pontuação. A advogada Melani Gabarno explica a ação.

Por meio de nota, o Inep reafirma que o participante foi eliminado por descumprir uma das regras previstas no edital do Enem e que “foi notificado da liminar na noite de terça-feira (23) e se manifestará nos autos do processo”.

Reportagem: Mirian Villa

Avatar

Giovanna Retcheski

Homem é preso acusado de produzir e compartilhar pornografia infantil

Homem é preso acusado de produzir e compartilhar pornografia infantil

A polícia foi acionada pelo WhatsApp, que percebeu a atitude suspeita do usuário

Delegada é investigada por trabalhar de forma remota no exterior

Delegada é investigada por trabalhar de forma remota no exterior

A servidora assinava documentos e exercia demais atribuições morando fora do país

Catedral de Paranaguá faz campanha para pedir fotos antigas

Catedral de Paranaguá faz campanha para pedir fotos antigas

Campanha faz parte do Projeto Marco Zero que é um plano arquitetônico de restauro