ParanáCidades

Trilha do Pico Paraná passa a exigir termo de risco

Deslizamento de rocha causou estragos na trilha. Medida preventiva entra em vigor neste sábado (27)

 Trilha do Pico Paraná passa a exigir termo de risco

Foto: Divulgação/ Marina Rampim/ IAT-PR

A partir deste sábado (27), quem for percorrer a Trilha de Acesso ao Pico Paraná, que soma 10 quilômetros, terá que assinar um termo de conhecimento de risco. A trilha fica no Parque Estadual Pico Paraná, entre Antonina e Campina Grande do Sul.

Houve o deslizamento de uma rocha, no local, o que causou estragos na trilha. Além disso, as chuvas fortes que atingiram a região, nas últimas semanas, tornaram o trajeto mais perigoso. O termo de conhecimento de risco é iniciativa do Instituto Água e Terra (IAT). A medida educativa serve para alertar sobre o perigo de percorrer a trilha.

O IAT diz que a atividade é desaconselhada, neste momento. Por conta do deslizamento e do tempo incerto, a recomendação é que os visitantes optem por outras trilhas, como a do Pico Caratuva ou do Pico do Itapiroca, ambas com pelo menos cinco quilômetros.

LEIA TAMBÉM

Após a estabilização do clima, a administração da unidade prevê uma análise de risco da região, para definir as novas medidas e orientações aos visitantes. A incursão será realizada com o acompanhamento de dois geólogos.

O termo de conhecimento de risco também indica que é proibido utilizar atalhos ou áreas interditadas, levar animais domésticos, consumir bebida alcoólica, jogar lixo no interior da unidade de conservação e nos locais de acampamento, utilizar veículos automotores nas trilhas, além de caçar, capturar, molestar ou perseguir animais silvestres, bem como alimentá-los.

Avatar

Cleverson Bravo

Último projeto de Niemeyer, Unila vai receber R$ 750 milhões

Último projeto de Niemeyer, Unila vai receber R$ 750 milhões

Investimento vai ser custeado pela Itaipu. Obras terão entregas ao longo dos próximos três anos

Professora é afastada suspeita de colar a boca dos alunos com fita

Professora é afastada suspeita de colar a boca dos alunos com fita

Pelo menos 5 crianças relataram para os pais a atitude da professora para manter o

Governo estadual oferece 1.200 vagas para programa de intercâmbio estudantil

Governo estadual oferece 1.200 vagas para programa de intercâmbio estudantil

Entre os critérios de seleção do programa estão o desempenho acadêmico do ano anterior