Ciclista atropelado e morto por viatura da PM é sepultado nesta quinta

Fotógrafo Harrisson Augusto Esmaniotto. (Foto: divulgação / Facebook)

Será sepultado amanhã (quarta, 15) o corpo do fotógrafo Harrisson Augusto Esmaniotto, 43 anos, que morreu atropelado por uma viatura da Rotam da Polícia Militar, do 12º Batalhão. O acidente foi registrado por volta das 21 horas de ontem (segunda, 13), na canaleta de ônibus da Linha Verde, em frente ao Instituto Lactec. Em nota, a PM lamenta o ocorrido e afirma que todas as medidas vão ser tomadas para apurar os fatos. O documento também explica que a equipe estava em acompanhamento a um veículo supostamente roubado minutos antes por um grupo armado quando houve a colisão.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, a vítima pedalava no sentido Pinheirinho da via, na contramão, em um trecho de curva e pouca iluminação, quando foi atingida de frente pelo carro oficial, que seguia em direção a Colombo, na região metropolitana. O acidente foi registrado na altura do quilômetro 130 da rodovia.

Ainda conforme a PRF, a vítima estava sem capacete nem qualquer dispositivo de iluminação. Com o impacto, a bicicleta foi arremessada no canteiro central da via. Um dos policiais ficou levemente ferido e não corre risco de morrer. Já o corpo do fotógrafo foi recolhido pelo IML e vai ser sepultado amanhã (quinta, 15) às 10 horas, no Cemitério Vertical, em Curitiba.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*