Nível de endividamento diminui no Paraná em março

O nível de endividamento das famílias no Paraná caiu no mês de março. A Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor, divulgada pela Fecomércio PR, aponta que 85,1% das famílias paranaenses possuíam algum tipo de dívida em março. O indicador é menor que os 86,8% registrados em fevereiro e também caiu na comparação com março de 2017, quando estava em 85,6%.

O índice nacional de endividamento ficou em 61,2%. O número é estável na variação mensal, mas apresentou piora em relação a março do passado, quando foi de 60,8%. O cartão de crédito é o principal motivo de endividamento dos consumidores paranaenses e correspondeu a 71% das dívidas do mês de março.

O financiamento de automóveis foi o segundo colocado, com 10%, e em seguida ficou o financiamento imobiliário, com 9,1%. O nível de endividamento mede as dívidas que a família faz. Isso não quer dizer que ela não esteja pagando os débitos.  A situação dos consumidores com contas atrasadas melhorou no Paraná, saindo de 29% em fevereiro para 26,7% em março.

Da mesma forma, baixou o percentual de paranaenses sem condições de quitar seus débitos, que era de 11,1% em fevereiro e ficou em 10% no mês passado.

 

 

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*