TJ-PR vai distribuir senhas para acompanhar o júri de Carli Filho

Cerca de 200 pessoas vão poder acompanhar as sessões do júri popular do ex-deputado estadual Luiz Fernando Ribas Carli Filho, marcadas para os dias 27 e 28 de fevereiro. A 2ª Vara do Tribunal do Júri de Curitiba vai distribuir senhas para os interessados em assistir ao julgamento. A distribuição vai ser feita no dia 23 de fevereiro, a partir da uma e meia da tarde.

Segundo o TJ, a medida foi adotada por causa da limitação de lugares dentro da sala de sessões, que tem capacidade para 370 pessoas. O critério para seleção é por ordem de chegada. Por ser uma sessão pública, qualquer pessoa está apta a assistir ao júri. O TJ destaca, no entanto, que não será permitido o uso de materiais que possam influenciar na decisão dos jurados. Estão proibidos camisetas, faixas, adesivos ou adereços com mensagens ou imagens relacionadas ao caso.

A captação de imagens dentro do prédio, seja por vídeo ou fotografia, só será liberada antes do início do julgamento e nos períodos de recesso. Os profissionais de imprensa vão ser credenciados.

O ex-deputado é acusado de matar dois rapazes em um acidente de trânsito no dia 7 de maio de 2009, no bairro Mossunguê. Uma perícia indicou que ele seguia a 167 quilômetros por hora quando atingiu o veículo de Gilmar Rafael Yared, 26 anos, e Murilo de Almeida, 20. Os dois morreram na hora.

 

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*