CuritibaEconomia

Linha Verde: empresa responsável terá que devolver R$ 2,7 mi

Segundo o TCE, a pavimentação não atendeu as especificações do projeto

 Linha Verde: empresa responsável terá que devolver R$ 2,7 mi

Foto: reprodução/TCE-PR

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) determinou que a empresa responsável pelas obras de requalificação de trecho da Linha Verde Norte, na capital paranaense, devolva R$ 2.712.981,76 ao tesouro público do Município de Curitiba.

Veja mais:

O valor ainda deve ser corrigido a partir da data de 1º de abril de 2019. A decisão foi divulgada nesta semana e motivada por investigação da Coordenadoria de Auditorias (CAUD) do TCE.

O coordenador de Auditorias do órgão, Elizandro Brollo, explica que a pavimentação realizada no local não atendeu as especificações do projeto contratado pela prefeitura de Curitiba, o que resultou na entrega de serviços com qualidade abaixo do esperado.

O valor que deve ser devolvido pela empresa ao cofre municipal corresponde à totalidade do dano ao patrimônio público apurado pela unidade técnica da Corte.

A sessão foi feita de forma virtual e concluída em 20 de outubro. No dia 14 de novembro, a empresa recorreu. Enquanto o recurso tramita, fica suspensa a execução da sanção imposta.

Reportagem: redação.

felipe.costa

Curadora cria exposição acessível para deficientes visuais

Curadora cria exposição acessível para deficientes visuais

“Além da Margem” está em cartaz na biblioteca da Universidade Positivo e conta com audiodescrição

Show de Harry Styles terá ônibus gratuito na volta

Show de Harry Styles terá ônibus gratuito na volta

Espetáculo acontece neste sábado na Pedreira, veículos levarão os fãs até a Praça Tiradentes

Teatro Guaíra reapresenta Lago dos Cisnes e Lendas Brasileiras

Teatro Guaíra reapresenta Lago dos Cisnes e Lendas Brasileiras

Junto à Orquestra Sinfônica do Paraná, apresentações marcam encerramento de 2022