ParanáGeral

Paraná registra queda de mais de 80% na mortalidade materna

Números são referentes ao quarto quadrimestre do ano e são comparados aos registros de 2021

 Paraná registra queda de mais de 80% na mortalidade materna

Foto: Ilustração/ Pixabay

Dados da Secretaria de Estado da Saúde mostram que as mortes maternas tiveram queda de 82% no Paraná. Os números são referentes ao quarto quadrimestre do ano e são comparados aos registros de 2021, com 178 mortes no período.

Veja mais:

A médica ginecologista Simone Bertasi Moreal explica que o acompanhamento médico durante a gravidez é essencial para que muitas mortes sejam evitadas. Segundo ela, as principais complicações para a gestante estão ligadas a hipertensão e hemorragias.

A médica ressalta que os cuidados devem começar, se possível, antes mesmo da mulher engravidar, com um bom planejamento e avaliação médica. Depois é preciso fazer o pré-natal adequado e contar com uma assistência completa no parto e pós-parto, tendo em vista que o corpo da mulher passa por muitas transformações ao longo de toda a gestação.

Estar em dia com as vacinas também é muito importante e pode evitar complicações. Além disso, é preciso ter uma boa alimentação e estar atenta aos sinais que o corpo dá.

Esse ano até setembro, de acordo com os dados parciais do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM) e Nascidos Vivos (Sinasc), foram registrados 31 óbitos maternos.

Reportagem por Vanessa Fontanella

jully.mendes

Litoral paranaense tem alerta vermelho para acumulados de chuva

Litoral paranaense tem alerta vermelho para acumulados de chuva

Há risco de alagamentos, transbordamento de rios e deslizamentos, com chuva de até 100 mm/dia

Guarapuava volta a exigir máscaras em caso de sintomas respiratórios

Guarapuava volta a exigir máscaras em caso de sintomas respiratórios

O uso também é obrigatório no aeroporto, em hospitais e outros estabelecimentos de saúde

Cadeira Anfíbia: profissionais são capacitados para o uso do equipamento

Cadeira Anfíbia: profissionais são capacitados para o uso do equipamento

As cadeiras anfíbias permitem o acesso de pessoas com deficiência à areia e ao mar

Expectativa de vida aumenta para 78,5 anos no Paraná

Expectativa de vida aumenta para 78,5 anos no Paraná

Com o censo populacional defasado, os dados ainda não consideram a pandemia do coronavírus