PolíticaGeral

Senado aprova PEC de Oriovisto que limita poderes do STF

A proposta do senador Oriovisto Guimarães proíbe decisões monocráticas

 Senado aprova PEC de Oriovisto que limita poderes do STF

Foto: reprodução/ASCOM

O plenário do Senado aprovou, por 52 votos a 18, em dois turnos, a PEC 8/2021, do líder do Podemos, senador Oriovisto Guimarães, que limita as decisões monocráticas (de um único ministro) no Supremo Tribunal Federal.

A proposta do senador proíbe decisões monocráticas que suspendam a eficácia de lei ou ato normativo com efeito geral ou que suspendam atos dos presidentes da República, do Senado, da Câmara dos Deputados ou do Congresso Nacional.

“Eu acho o Supremo Tribunal Federal tão importante que me parece absurdo que apenas um homem possa decidir por ele. As decisões do Supremo devem ser colegiadas para garantir a independência dos poderes e o fortalecimento da democracia”, disse Oriovisto.

O autor da PEC agradeceu a todos os senadores pelo debate democrático em torno da proposta e, em especial, ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, por garantir ampla discussão à matéria. Ele também elogiou o trabalho do relator, Esperidião Amin (PP-SC), por aperfeiçoar o texto. “Eu luto por essa PEC há cinco anos. O equilíbrio dos Poderes voltará a este país. Eu espero que a Câmara dos Deputados não pare, continue. O Brasil precisa ser modificado, e hoje nós fizemos isso”, destacou o senador.

Confira a sessão:

Informações: Lorena Pelanda, com assessoria

Avatar

lorena.pelanda

Alegações contra presidente da Invest Paraná estão esclarecidas, diz Governo

Alegações contra presidente da Invest Paraná estão esclarecidas, diz Governo

Oposição aponta que José Eduardo Bekin foi condenado por crimes como falsidade ideológica e sonegação

Moro deve ser julgado em abril, define TRE-PR

Moro deve ser julgado em abril, define TRE-PR

Senador é acusado de abuso de poder econômico e pode ter mandato cassado

Moro: Juiz é nomeado e julgamento pode ter data marcada

Moro: Juiz é nomeado e julgamento pode ter data marcada

Nomeação foi publicada no Diário Oficial; Sergio Moro é acusado de abuso de poder econômico

CMC aprova divulgação obrigatória de lista de espera do SUS

CMC aprova divulgação obrigatória de lista de espera do SUS

As listas deverão especificar cada modalidade de consulta, exame e intervenção cirúrgica oferecidos