Sete mil policiais reforçam a segurança em todo o Paraná

Todos os procedimentos acontecem no ambiente do Fórum Eleitoral, no Tribunal Regional Eleitoral, em Curitiba

 Sete mil policiais reforçam a segurança em todo o Paraná

Foto: Divulgação PM

Sete mil policiais trabalham em todo o Paraná para reforçar a segurança durante as eleições deste domingo. A Polícia Militar fará o boletim de ocorrência e, a seguir, a Polícia Federal lavra o termo circunstanciado. Na sequência, a pessoa será realizada uma audiência, com a presença do Juiz, do Ministério Público e Defensor. Se necessário, o juiz determina que a pessoa infratora seja detida. Todos os procedimentos acontecem no ambiente do Fórum Eleitoral, no Tribunal Regional Eleitoral, em Curitiba, que tem capacidade para a realização de duas audiências simultâneas. Segundo o coordenador geral da Operação Eleições da Polícia Militar do Paraná, coronel Alex Breunig, as principais ocorrências esperadas são boca de urna.

Qualquer crime eleitoral deve ser denunciado.

As denúncias podem ser feitas, além do aplicativo Pardal, da Justiça Eleitoral, e 190, e também 181, que é o Disque Denúncia da Secretaria de Segurança Pública do Paraná.

Reportagem: Lorena Pelanda

Band News Curitiba - 96,3 FM

A BandNews Curitiba está na cidade desde 2006. A emissora caiu no gosto do curitibano e, atualmente, está entre as dez rádios mais ouvidas da cidade.

Mulher encontra o próprio carro em anúncio online

Mulher encontra o próprio carro em anúncio online

Veículo foi roubado dias antes, junto à Guarda Municipal o suspeito foi preso

Litoral do Paraná está em alerta para chuva intensa 

Litoral do Paraná está em alerta para chuva intensa 

Os volumes previstos são de 200 mm nos próximos dias

Volta a chover neste sábado em Curitiba

Volta a chover neste sábado em Curitiba

A nebulosidade e instabilidade atuam em toda porção leste e no Norte Pioneiro

Policial é preso em operação contra o contrabando de celulares

Policial é preso em operação contra o contrabando de celulares

Viaturas oficiais eram usadas no transporte dos aparelhos entre Foz do Iguaçu e Cascavel