PolíticaGeral

TJ-PR mantém condenação de ex-vereadora de Araucária por rachadinha

Segundo investigações, Adriana Cocci de Moraes chegou a exigir 70% do salário de comissionados

 TJ-PR mantém condenação de ex-vereadora de Araucária por rachadinha

Foto: reprodução/Facebook (arquivo)

O Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) manteve a condenação da ex-vereadora Adriana Cocci de Moraes, de Araucária, a sete anos e seis meses de prisão em regime semiaberto pelo crime de concussão. A decisão, publicada no último dia 30 de janeiro, nega um pedido de recurso feito pela defesa da ex-parlamentar. De acordo com as investigações, Adriana Cocci exigia de ex-funcionários comissionados o repasse de um percentual mensal do salário deles e também de benefícios, como férias, vales e restituição do Imposto de Renda, prática popularmente conhecida como “rachadinha”.

Veja mais:

Pelo menos 22 pessoas confirmaram terem sido vítimas. Conforme a denúncia, algumas chegaram a entregar mais de 70% dos vencimentos sob ameaça de demissão. A ex-vereadora atuou na Câmara de Araucária entre 2013 e 2016. A reportagem entrou em contato com a defesa, mas ainda não teve retorno. Na decisão, o TJ-PR também decidiu pela condenação da ex-assessora da parlamentar que, segundo as apurações, fazia o recolhimento e o controle de pagamentos dos valores exigidos. Ela foi condenada a 7 anos, dois meses e 20 dias de prisão em regime semiaberto.

Reportagem: Bárbara Hammes

Avatar

Izabella Machado

Moro deve ser julgado em abril, define TRE-PR

Moro deve ser julgado em abril, define TRE-PR

Senador é acusado de abuso de poder econômico e pode ter mandato cassado

Moro: Juiz é nomeado e julgamento pode ter data marcada

Moro: Juiz é nomeado e julgamento pode ter data marcada

Nomeação foi publicada no Diário Oficial; Sergio Moro é acusado de abuso de poder econômico

CMC aprova divulgação obrigatória de lista de espera do SUS

CMC aprova divulgação obrigatória de lista de espera do SUS

As listas deverão especificar cada modalidade de consulta, exame e intervenção cirúrgica oferecidos

Maria Letícia desabafa em vídeo: “resumida a uma velha bêbada”

Maria Letícia desabafa em vídeo: “resumida a uma velha bêbada”

Vereadora responde a processos na Justiça e Câmara suspeita de desacato e embriaguez ao volante