ParanáGeral

Azul e Gol terão novas rotas aéreas saindo do Paraná

Serão 14 novas rotas para nove destinos brasileiros, na alta temporada de Verão

 Azul e Gol terão novas rotas aéreas saindo do Paraná

Foto: Geraldo Bubniak/AEN

As companhias Azul e Gol anunciaram um aumento na malha aérea saindo do Paraná nos próximos meses. Serão 14 novas rotas para nove destinos brasileiros, na alta temporada de Verão. Só em Curitiba, serão seis novas conexões: Rio Janeiro, Cuiabá, Goiânia, Salvador, Natal e Maceió.

Veja mais:

No aeroporto de Foz do Iguaçu, no Oeste do Estado, são sete novas rotas previstas, com voos para Florianópolis, Maceió, Natal, Salvador, Recife e Rio de Janeiro. Já partindo da cidade de Londrina, no Norte do Paraná, terá uma nova conexão para Cuiabá. Alguns voos também terão reforço durante a temporada de Verão, já que o movimento é mais intenso.

É o caso de rotas como Curitiba a Brasília, Foz do Iguaçu a São Paulo e ao Rio de Janeiro. De acordo com a CCR, a administradora dos aeroportos de Curitiba, Foz do Iguaçu e Londrina, estão sendo previstas 174 viagens a mais em relação à demanda atual. O aumento é de 24% na operação. Outra novidade é que a Azul Linhas Aéreas, a partir de março de 2023, terá disponível voo direto de São Paulo a Curitiba.

Inclusive, a companhia já tem passagens à venda no site da empresa. A rota atual tem conexão com o Rio de Janeiro. Segundo a CCR, no mês de novembro, novos voos internacionais diretos também foram ofertados nos aeroportos paranaenses. Curitiba tem viagem direta a Santiago, no Chile, e Foz do Iguaçu tem voo direto a Montevidéu, no Uruguai.

Reportagem: Leo Coelho

jully.mendes

BR-277: Tempo médio de viagem até Paranaguá fica em 1h14min

BR-277: Tempo médio de viagem até Paranaguá fica em 1h14min

Permanece o desvio operacional no quilômetro 42, em Morretes

BR-277: 7 quilômetros de fila em Morretes, no sentido Curitiba

BR-277: 7 quilômetros de fila em Morretes, no sentido Curitiba

Na Serra do Mar, permanece o desvio operacional, após o deslizamento de terra

Nota Paraná devolve R$ 23 milhões em créditos

Nota Paraná devolve R$ 23 milhões em créditos

Os contribuintes concorrem a prêmios de R$ 10 a R$ 1 milhão