Acusado de matar Bruno Strobel vai a julgamento

Um dos acusados de matar o estudante Bruno Strobel Coelho, em 2007, na Grande Curitiba, vai a julgamento nesta quarta-feira, em Almirante Tamandaré. O jovem foi morto por funcionários da empresa de segurança Centronic, após ser flagrado pichando um muro em Curitiba. Sete homens foram acusados pelo crime, e serão julgados individualmente. A vítima foi torturada e morreu com um tiro na cabeça. Bruno Strobel era filho do jornalista esportivo Vinicius Coelho. O réu desta quarta-feira será julgado por formação de quadrilha, tortura, homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver. Somente a pena pelo homicídio qualificado varia entre 12 e 30 anos. O júri acontece na Câmara de Vereadores de Almirante Tamandaré, a partir das 9 da manhã.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*