Pai de venezuelana esfaqueada em Curitiba diz que crime foi premeditado

 Pai de venezuelana esfaqueada em Curitiba diz que crime foi premeditado

Foto: Divulgação/SESP

O pai da adolescente venezuelana esfaqueada pelo ex-namorado em Curitiba acredita que o crime foi premeditado. O homem entregou o celular da vítima para a Polícia Civil e afirmou que no aparelho existem provas das ameaças. A jovem de 17 anos foi ferida com pelo menos 10 facadas. Ela está internada em estado grave desde segunda-feira (7). O ex-namorado se entregou à polícia 24 horas após o crime.

O caso é investigado pelo Nucria. O pai da vítima afirma que áudios enviados pelo homem de 20 anos podem auxiliar na resolução do crime:

Como não houve flagrante e o autor do crime se apresentou à delegacia voluntariamente, ele deve permanecer em liberdade. Não havia mandados de prisão contra o suspeito. O pai da vítima se mostrou revoltado com a situação e lamentou pelo caso ter sido registrado na véspera do Dia Internacional da Mulher:

A jovem segue internada no Hospital do Trabalhador. Até a última atualização do quadro de saúde, ontem à noite, o estado era considerado grave. Segundo o pai da vítima, uma das facadas perfurou o pulmão. Por isso, ela passou por um procedimento de drenagem.

O crime foi registrado nesta segunda-feira (7) na Rua Professor Claudomiro Zorteia, no bairro Umbará. Câmeras de monitoramento gravaram o momento em que o homem imobiliza a jovem e começa a feri-la seguidamente com uma faca. Duas pessoas que estavam na rua ameaçam interferir fisicamente, mas têm dificuldades por medo do criminoso armado.

Band News Curitiba - 96,3 FM

A BandNews Curitiba está na cidade desde 2006. A emissora caiu no gosto do curitibano e, atualmente, está entre as dez rádios mais ouvidas da cidade.

3 pessoas se afogam e precisam ser socorridas em Caiobá

3 pessoas se afogam e precisam ser socorridas em Caiobá

Adolescentes foram retirados do mar conscientes e passam bem