Câmara vota quarta-feira obrigatoriedade de câmeras em casas noturnas

A Câmara de Curitiba vota nesta quarta (16) um projeto de lei que prevê a obrigatoriedade de câmeras de vigilâncias em bares e casas noturnas da cidade. A lei prevê esse monitoramento para lugares que comportam mais de 200 clientes. O projeto apresentado pelo vereador Juliano Borghetti foi feito a pedido da Associação de Bares e Casas Noturnas no Paraná (Abrabar). O Presidente Fábio Aguayo explica que caso seja aprovado, os estabelecimentos terão que ter vigilância interna e também externa.

No último sábado um jovem que teria sido agredido em um bar do Centro da cidade teve a perna amputada. Ele afirma que apanhou dos seguranças do James Bar por não ter 60 reais para pagar a conta, já que o cartão não havia passado.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*