Delegacia conclui investigação sobre postos de combustíveis

Quatro inquéritos policiais sobre as investigações de irregularidades nos postos de combustíveis de Curitiba e Região Metropolitana, devem ser concluídos e encaminhados ao Ministério Público do Paraná na semana que vem. Os documentos se referem a seis proprietários de estabelecimentos onde foi constatada a venda de combustível fora das normas estabelecidas pela ANP – Agência Nacional do Petróleo. As investigações começaram depois de denúncias que mostraram a existência de um esquema de abastecimento ilegal – no qual, por meio de um controle remoto, os donos dos postos abasteciam os veículos dos clientes com menos do que havia sido pago. O delegado da Delegacia do Consumidor, Jairo Estorílio, conta que hoje a Delcom possui 30 inquérito apenas para analisar denúncias sobre irregularidades nos estabelecimentos.

Com relação ao empresário Cleber Salazar, dono da empresa Power Bombas e que seria responsável pelo esquema de fraudes, um inquérito policial ainda corre em segredo de justiça. Ainda não há prazo para conclusão da investigação. O delegado conta que, com a divulgação de possíveis fraudes, o número de denúncias de motoristas aumentou muito. Ele lembra algumas atitudes que podem ser tomadas pelo consumidor para evitar as fraudes.

Denúncias do consumidor podem ser feitas diretamente na Delcom, pelo telefone 3883-7100 ou pela internet, através do Boletim Eletrônico.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*