Presos em Chácara de Piraquara sofreram agressões segundo IML

Exames do IML comprovaram que os homens presos na semana passada em uma Chácara em Piraquara, sofreram agressões. Os dois e um adolescente, que também foi apreendido, alegam que foram torturados por polícias do Gaeco (Grupo Especial de Combate ao Crime Organizado). O resultado dos exames de corpo delito do jovem ainda não foram divulgados.
Os oficiais de Santa Catarina foram até a chácara para cumprir dois mandados de prisão e pediram ajuda aos policiais paranaenses, porque um dos suspeitos seria muito violento. O caso aconteceu no ultimo dia 19. Um processo investigativo foi aberto pelo Gaeco e o relatório final deve ficar pronto em um mês.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*