Após mais de 30 anos na PF, “japonês da Federal” se aposenta

(Foto: Narley Resende/ BandNews)

Com mais de 30 anos de atuação na Polícia Federal, o agente Newton Ishii – conhecido como “japonês da Federal” teve o pedido de aposentadoria especial voluntária concedido pelo Governo. A informação foi publicada no diário oficial da união desta segunda-feira.

O policial ficou conhecido em todo o país após aparecer ao lado de políticos, empreiteiros e agentes públicos presos ao longo das operações desencadeadas pela força tarefa da Operação Lava-Jato. O pedido pela aposentadoria especial foi feito por Ishii em outubro de 2016. No pedido, o agente federal alegou ter mais de 30 anos de serviço – que é a exigência mínima para a concessão do benefício.

O japonês da Federal também foi alvo de uma polêmica: em 2009 ele foi condenado pela justiça por ter facilitado a entrada de contrabando na região de fronteira do país. Em 2016 ele chegou a ser preso, mas pouco tempo depois passou para o regime semiaberto e no mesmo ano conseguiu redução de pena.

(Foto: Narley Resende/ BandNews)