ParanáCidades

Paraná tem 3ª cidade que mais desmatou a Mata Atlântica

Nova Laranjeiras, na região Centro-Sul do estado, devastou quase 680 ha em 2021

 Paraná tem 3ª cidade que mais desmatou a Mata Atlântica

Fotos: Polícia Militar

O Paraná teve um crescimento de 26% na área desmatada em 2021, em comparação com 2020. Foram 7mil158 hectares de área devastada no último ano. Outro dado preocupante é que, das áreas desmatadas identificadas entre 2019 e 2021, apenas 19,8% contam com ações de fiscalização já em andamento. O número é ainda pior no que se refere a alertas de desmatamento no mesmo período: apenas 11,8% estão sendo fiscalizados. Os dados são do Relatório Anual de Desmatamento no Brasil. E apesar de que, quando se fala em Mata Atlântica, se pensa logo na vegetação do litoral do estado, quase todo o Paraná faz parte do bioma da Mata Atlântica, inclusive a mata de araucárias.

Segundo o Atlas da Mata Atlântica, entre 2020 e 2021, o estado aparece como um dos que mais desmataram, tendo uma cidade entre que aparece em 3º lugar no ranking nacional, Nova Laranjeiras, localizada no Centro-Sul do estado, com 679 hectares devastados, cidade, inclusive, que tem a maior reserva indígena do estado. O diretor executivo da Fundação SOS Mata Atlântica, Luiz Fernando Guedes Pinto, avalia esse cenário.

Segundo o diretor, o desmatamento agrava ainda mais mudanças climáticas já em andamento no planeta e que afetam diretamente a produção de alimentos, a disponibilidade hídrica e outros fatores importantes para a vida humana.

O Atlas da Mata Atlântica é um relatório anual, uma colaboração entre o SOS Mata Atlântica e o INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais). A análise é feita por imagens de satélite dos 17 estados onde este bioma está presente. 

Band News Curitiba - 96,3 FM

Justiça nega pedido de Habeas Corpus a Jorge Guaranho

Justiça nega pedido de Habeas Corpus a Jorge Guaranho

Para manutenção da prisão, o relator citou "as eleições que se avizinham"

Jorge Guaranho chega ao Complexo Médico Penal, em Pinhais

Jorge Guaranho chega ao Complexo Médico Penal, em Pinhais

Réu pela morte de Marcelo Arruda, policial penal teve a prisão domiciliar revogada

Compras do Dia dos Pais devem aumentar 8% em 2022

Compras do Dia dos Pais devem aumentar 8% em 2022

Um estudo da Faciap mostrou que a maioria dos comerciantes está otimista para este ano

O Sistema Fiep lançou livro digital com tendências globais

O Sistema Fiep lançou livro digital com tendências globais

A intenção é contribuir com temas relacionados à tecnologia, saúde, meio ambiente e negócios