Funcionários do HC podem entrar em greve novamente

Os funcionários do Hospital de Clínicas do Paraná, ligados à Fundação universitária, podem cruzar os braços novamente. A reunião realizada hoje de manhã entre o sindicato dos trabalhadores e a direção do hospital não chegou a um acordo, e mais uma greve pode ser deflagrada nas próximas semanas. De acordo com a presidente do sindicato da categoria, Carla Cobalchini, a proposta feita pelo hospital está muito abaixo do pedido pelos trabalhadores.

Os funcionários pedem um reajuste salarial de 18%, além de um plano de cargos e salários. São cerca de 1.090 trabalhadores, em especial no setor de esterilização de equipamentos, que podem cruzar os braços.

Na próxima terça-feira, o sindicato dos trabalhadores da Funpar voltam a negociar com a direção do HC. Caso não se chegue a um acordo, o hospital pode viver a segunda paralisação neste ano. Em janeiro, os servidores do setor de raio-x cruzaram os braços, e a negociação se arrasta até hoje.

O Hospital de Clínicas foi procurado pela reportagem, e afirmou que está trabalhando na negociação com os servidores da Funpar. O hospital considera que ainda é cedo para se pensar em uma greve.

Deixe um Comentário Os comentários serão avaliados por um moderador. Comentários considerados inadequados, impróprios ou ofensivos não serão aprovados

*