Número de crianças com doenças respiratórias cresce 20%

O número de crianças com doenças respiratórias já é 20% maior do que o registrado no final de abril e início de maio do ano passado. As baixas temperaturas e a grande variação dos termômetros aumentam a ocorrência de gripes, infecções de ouvido e garganta, sinusite e também de pneumonia. O coordenador médico da emergência de um hospital especializado no atendimento infantil, Nilton Kiesel Filho, acredita que o aumento de doenças respiratórias seja também pela mudança do ciclo de vida dos principais vírus. O coordenador também orienta algumas atitudes que podem ser tomadas para evitar as doenças respiratórias. Outra indicação é não pular as refeições e procurar comer sempre em casa. Em casos de febre alta ou tosse persistente a orientação é procurar atendimento médico.

 

Band News Curitiba - 96,3 FM

Paraná está oficialmente livre da epidemia H3N2

Paraná está oficialmente livre da epidemia H3N2

A notícia foi divulgada pela Secretaria de Estado da Saúde

Programa Opera Paraná deve realizar 60 mil cirurgias eletivas

Programa Opera Paraná deve realizar 60 mil cirurgias eletivas

A implantação do programa tem por objetivo diminuir as filas de espera

3 pessoas se afogam e precisam ser socorridas em Caiobá

3 pessoas se afogam e precisam ser socorridas em Caiobá

Adolescentes foram retirados do mar conscientes e passam bem